top of page

Não é sobre “dar um Google”. É a reputação que está em jogo




Durante o processo eleitoral é muito comum as pessoas buscarem no Google informações sobre a política. Na fase de planejamento das pré-campanhas realizamos o “desk research", um mapeamento das primeiras 10 páginas de pesquisa para avaliar a reputação online dos candidatos e criar vacinas caso seja preciso.


O político com boa gestão da presença digital terá nos primeiros resultados conteúdo informativo apresentando-o de forma positiva e confiável. Já os candidatos com histórico negativo terão escancarados processos e notícias desfavoráveis.


A decisão do Google de suspender anúncios políticos jogou um balde de água fria naqueles que tinham como estratégia mascarar o buscador.


Agora, resta adotar uma narrativa transparente para contradizer o que o Google apresenta como verdade absoluta e implacável.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Commentaires


bottom of page